21 março, 2013

Papa Francisco abençoa cão-guia.




Ásia ao lado do Papa Francisco e seu tutor  Forlani



Notório é o espanto dos fieis da Igreja Católica causado pela escolha de um Papa latino americano. Jorge Mario Bergoglio ao escolher o nome Francisco homenageando o Santo da Humildade, São Francisco de Assis, padroeiro dos animais, traz consigo uma mensagem de novos tempos. Tempos de nos atentarmos para as coisas mais simples, que tem verdadeiro valor espiritual, tempo da caridade, tempo de respeitar os animais como parte integrante de um sistema onde vivemos e devemos respeitá-los e termos como obrigação, defende-los e lutar por seus direitos, direito a vida plena, longe de qualquer abuso.
No ultimo sábado o Papa Francisco deu-nos mais uma demonstração de respeito a vida, não só aos humanos mas também aos animais, como conta o jornalista Alessandria  Forlani.  Alessandria é deficiente visual e, por isso trabalha acompanhado da sua cão-guia Ásia. Sua entrada em uma coletiva de imprensa no último dia 16, entretanto, quase foi impedida pela guarda suíça que faz a segurança oficial dos papas. A razão era simples: Ásia, sua cadela da raça labrador, não tinha permissão para entrar no auditório do Vaticano.
Entretanto, Ásia e o jornalista receberam a permissão e, mais do que isso,   Ásia e Forlani receberam um assento nas primeiras filas. "Eles disseram que o Papa Francisco pediu para me conhecer. Ele havia visto Ásia e queria nos encontrar Asia e eu ", disse Forlani. 
Sem saber nada sobre o protocolo, Ásia andou ao lado de Forlani e abordou o Papa, cheirou seu manto branco e, em seguida, esperou pacientemente enquanto Forlani conversava. O jornalista não perdeu a oportunidade de pedir uma bênção para a sua esposa e filha. “Mas o Papa queria ter certeza de que Ásia também recebesse uma bênção especial”, lembra Forlani. O papa estendeu a mão e acariciou a labrador amarela.
E foi assim que o papa quebrou mais uma vez o protocolo e nos evidenciou que os animais merecem respeito,  merecem estar entre nós como nossos amigos companheiros, protegidos por nós. Esse é o nosso papel, cuidar deles. Não foi para abusarmos deles que o Sr. Noé foi incumbido de colocar um casal de todas as espécies em sua arca para escapar de um dilúvio. 


Angélica Bessa


Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

GUSTÃO - O nosso amigão

/
Gustão está aqui para lhe ajudar a entender as necessidades de um cão. Ele pode sentar, deitar e rolar. Você pode manter Gustão entretido jogando bola ou dando-lhe um osso. Para fazê-lo sentar–se, dê um duplo clique com o mouse no chão perto dele. Um duplo clique novamente para fazê-lo deitar-se. Então segure o botão do mouse para baixo e ele vai rolar.